Segunda, 10 Setembro 2018 13:10

Giucelia Figueiredo toma posse como diretora nacional da Mútua

A engenheira agrônoma paraibana é a primeira mulher eleita para a Diretoria Executiva da Instituição, nos últimos 20 anos.

Giucelia Figueiredo toma posse como diretora nacional da Mútua

A nova Diretoria Executiva da Mútua - Caixa de Assistência dos Profissionais do Crea foi empossada durante o principal evento da área tecnológica brasileira, a 75ª Semana Oficial da Engenharia e da Agronomia, realizada em Maceió, AL. Com mandato de 2018 a 2021, os diretores que tomaram posse são responsáveis pela Instituição que gerencia e oferece benefícios sociais, reembolsáveis e prestações assistenciais aos profissionais da área tecnológica com registro no Crea. A Mútua tem sua Diretoria Executiva formada por um diretor-presidente e um diretor para cada uma das quatro áreas estratégicas da Instituição: Administrativa, Financeira, de Benefícios e de Tecnologia.

Dentre os cinco diretores, está a engenheira agrônoma paraibana Giucelia Figueiredo - a primeira mulher eleita para a Diretoria da Caixa de Assistência nos últimos 20 anos. Ela atuou por duas gestões como presidente do Crea-PB, foi superintendente federal do Ministério da Agricultura na Paraíba, secretária de Estado em Desenvolvimento Humano e secretária municipal de Políticas Públicas para as Mulheres em João Pessoa.

A engenheira afirmou estar muito feliz com a demonstração de confiança. “Estou profundamente honrada de ter participado do processo eleitoral, me colocando à disposição na construção desse novo capítulo da história da Mútua. Também quero registrar que ter hoje uma mulher na direção nacional da Instituição é uma quebra de paradigma e faz parte do processo de empoderamento da mulher na Engenharia, do processo de protagonismo da participação da mulher nos espaços de decisão no Sistema Confea/Crea e Mútua.”

Por ocasião da posse, assumiram, também, o engenheiro civil Paulo Roberto de Queiroz Guimarães (SP), reconduzido ao segundo mandato como presidente; o engenheiro civil Jorge Silveira (SE), como diretor de Benefícios; o engenheiro civil e de Segurança do Trabalho Juarês Silveira Samaniego (MT), diretor financeiro; e o engenheiro agrônomo Cláudio Pereira Calheiros (AL), diretor de Tecnologia.

Figuram entre os objetivos gerais inseridos nos planos de trabalhos dos cinco diretores executivos o aumento do número de associados, o aperfeiçoamento da oferta dos planos de saúde, promoção de maior integração com os Creas e Confea, fomento a programas de qualificação e reinserção dos profissionais no mercado de trabalho, apoio a iniciativas que visem a melhorias dos sistemas de fiscalização e ampliação da comunicação e a divulgação da Mútua.

A Mútua

A Caixa de Assistência dos Profissionais do Crea, que tem hoje 128 mil associados, é uma sociedade civil sem fins lucrativos criada pelo Confea, pela Resolução nº 252, de 17 de dezembro de 1977, conforme autorização legal contida no artigo 4º da Lei 6.496, de 7 de dezembro de 1977.

Seu principal objetivo é oferecer aos associados planos de benefícios sociais, previdenciários e assistenciais, com foco na missão de atuar como entidade assistencial do Sistema Confea/Crea e Mútua, prestando serviços, ações e benefícios diferenciados que propiciem melhor qualidade de vida aos engenheiros, agrônomos, meteorologistas, geógrafos, geólogos e profissionais tecnólogos dessas áreas.

 

Fonte: Ascom/MÚTUA

Mídia